mejores doctores en América Dapoxetina elección de plan de seguro médico
1 In Escócia/ travel

Arthur’s Seat (revisitado) e a próxima viagem

Duas coisas fizeram com que fosse buscar estas fotos ao baú: a primeira é, claro, a procura de fotos para começar a encher as paredes da casa nova. A segunda tem a ver com o planeamento da próxima viagem, que já está marcada para Novembro.
Recentemente comecei a reparar mais em mim nas minhas fotos de viagens passadas. Acho-me sempre diferente (para melhor) nessas fotos, mas só consigo pensar que a diferença não é necessariamente física, embora se traduza no olhar.

 

Há uma aura de felicidade à minha volta que só consigo explicar pelo sítio em que me encontro (na foto) e por estar a viajar e ver coisas magníficas pela primeira vez. Sim, o meu olhar nessas fotos é o olhar do amor à primeira vista, agora que penso bem. E é isso que quero sentir e documentar mais na minha vida. Portanto, viajar mais. Como vos confidenciei há uns dias, achei mesmo que este ano já não ia conseguir viajar, porque mudar de casa de redecorar o nosso espaço não é uma coisa propriamente barata, mas, afinal, tudo se consegue quando a vontade e a poupança é muita.

   

Escolhi revisitar o Arthur’s Seat, não só por ter sido uma das paragens na minha viagem a Edinburgo, mas também porque foi graças a essas fotos (mais dessas fotos neste post) que reparei (visuamente falando) no quão feliz viajar me faz.

Não me vou alongar e repetir-me acerca de todos os sentimentos que o Arthur’s Seat despoletou em mim, mas deixo-vos com algumas fotos que me são muito queridas (apesar de, nessa altura no ano passado ainda não saber tanto de fotografia como sei agora) e despeço-me apenas com a revelação de que os cenários da minha próxima viagem não vão ser muito diferentes dos desta.

Conseguem adivinhar qual será o meu próximo destino? Acho que este post é capaz de ajudar a desvendar. 😉

You Might Also Like

1 Comment

  • Reply
    Maria
    18/09/2016 at 10:42 PM

    Se eu já há uns bons anos queria ir à Escócia, ver estas fotografias ainda me faz ficar com mais vontade. E agora que até estou tão pertinho – vá a umas 4h ou 5h a sul – seria uma óptima oportunidade para conhecer um cantinho deste país.

    Como eu te compreendo. Eu como fujo de tudo o que é fotografia não o noto pelo olhar, mas bem sei que viajar me faz muito feliz. É o sentimento de estarmos de férias, é o sentimento da viagem em si, de conhecer algo novo, de descoberta. Não é das actividades mais baratas que existem, mas viajar faz tão bem ao nosso ego e à nossa personalidade em geral. Olhando para a tua “bucket list” eu diria Escócia (os países são sempre muito maiores do que aquilo que parecem, pelo que há sempre algo de novo para ver) ou Irlanda. O senso comum diz-me que são semelhantes, por isso essa é a minha aposta.

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge