Top 10 músicas da minha vida

Posted on

No dia 1 de Outubro celebrou-se o Dia Mundial da Música e logo que li este post no Analog’s Box da Joana, soube imediatamente que teria que fazer um top de músicas da minha vida.

É raríssimo falar sobre aquilo que a música representa para mim. Há sentimentos e sensações demasiado difíceis de expressar e os que a música me despertam incluem-se facilmente neste grupo. Na verdade, nem sei se há nomes para eles.

A música acompanha todo o meu dia, desde que acordo e ligo o iPod às colunas para ouvir (e cantar) durante o banho, no momento em que estou a ir para o trabalho, durante o trabalho e até no meu regresso a casa ao final da tarde. Sou daquelas pessoas chatinhas que tem uma playlist para tudo e que acha que a vida tem uma banda sonora.

Basta verem o meu Spotify

My ultimate summer 2014 playlist

Posted on

129

Já imaginaram o vosso verão sem banda sonora?
Não sei se estou sozinha nisto ou não, mas gosto de imaginar os momentos marcantes do meu presente (e consequentemente passado) como se de um filme com banda sonora própria se tratassem. Por exemplo, quando fui a Londres em Janeiro fiz uma playlist ‘London Calling’ que me acompanhou durante os momentos de preparação antes da viagem, durante o tempo que lá passei e, depois no regresso.

Can you imagine your summer without a soundtrack?
I don’t  know if I’m alone in this or not, but I like to imagine the defining moments of my present (and consequently past) as a movie with its own soundtrack. For example, when I went to London in January I made a playlist called ‘London Calling’ who accompanied me during the moments of preparation before the trip, during the time we spent there and then on the way back to Lisbon.

Christmas Madness Overload- #1

Posted on

Por favor perdoem-me por a loucura que está prestes a ter lugar neste blog, mas a verdade é que já não aguento mais. Passei o dia todo a esforçar-me por não parecer uma tolinha demasiado entusiasmada com o Natal, mas agora já posso deitar tudo cá para fora.
E vou fazê-lo através de uma série de posts alusivos ao Natal.

Houve anos em que só senti o espírito natalício mesmo em cima da hora, que é como quem diz no próprio dia da véspera de Natal, mas não este ano. Não quando se pensa em momentos únicos e preciosos que estão prestes a acontecer, não quando se sente alegria ao reunir os presentes para dar àqueles de quem mais gostamos.

E especialmente quando se tem a banda sonora certa.

Manic Monday Playlist #1

Posted on

Eu sei que já tinha falado em dedicar os domingos às playlists e que tenho falhado nesse aspeto. Apesar disso acho que é realmente algo que quero incluir aqui no blog, portanto vamos dar outra oportunidade, sim?

A única diferença é que agora, em vez de ser ao domingo, será à segunda-feira. Faz sentido, não? Começa uma nova semana e é sempre difícil despedirmo-nos do fim-de-semana, o que significa que precisamos de uma dose extra de inspiração.

Decidi também começar a escrever alguns posts em português e inglês como costumava fazer no outro blog. O que acham?

Para esta segunda-feira sugiro:

Identity crisis

Posted on

Melancolia.

Ao ouvir certas músicas e certas bandas sou inevitavelmente recordada de uma adolescência que já acabou, mas não assim há tanto tempo.

Hoje em dia tenho consciência que era das coisas mais dramáticas que já vi na minha vida. Perfeitamente insuportável. Ninguém me percebia, ninguém sabia aquilo pelo que estava a passar, etc. Etc.. Tem piada recordar estas coisas agora, mas, na altura, o futuro parecia estar a anos luz e- achava eu- antecipava-se negro.

Kick-Ass fever

Posted on

Ando parvinha de todo com o Kick-Ass. Como assim “o que é isso?” Se não sabem, temos pena. Não, a sério, tenho mesmo pena. Mas ainda estão a tempo, afinal