My Vienna and Bratislava trip anniversary

Posted on

Quem me dera ter dado mais importância a esta viagem aqui no blog na altura em que a fiz. Quem me dera perceber nessa altura o mesmo que percebo de fotografia agora (ainda que não seja nada de especial, sempre era melhor que em 2011).

Estou nostálgica com esta viagem e a culpa é do Facebook. Já repararam naquele hábito irritante do Facebook de informar que faz 6 anos que são amigos da pessoa x ou que faz anos que fizeram uma viagem? Foi o que me aconteceu ontem.

Mas será possível que

On photographing people

Posted on

Desde que comecei o curso DSLR Basics do A Beautiful Mess e o meu curso de fotografia “físico”, que juntei algumas fotos que tirei até anos antes de começar estes cursos e, desde então, tenho vindo a adicionar mais à medida que tiro.
Tenho-as organizadas por álbuns no Flickr (People, City Life, Still life, Animals, London, Food, etc.) e sempre que olho para eles há sempre um que me atrai mais que todos os outros:

DIY Photo Background #3: Blackboard

Posted on

Este é o terceiro da série de photo background que fiz em Janeiro. Provavelmente será o último, porque convenhamos, de quantos photo background é que uma pessoa necessita? 😛 Acho que três, no meu caso chegam bem.
E se o primeiro era destinado a fotografar pequenos detalhes, como acessórios e cosméticos, o segundo era mais versátil e ideal para fotografar coisas maiores, como livros.

Este terceiro é um

Porque tirar fotos da nossa roupa não é um exercício egocêntrico

Posted on

Quando a minha mãe tinha a minha idade não existiam blogs, a palavra “selfie”, ou telemóveis que tirassem fotos. Ok, nem telemóveis sequer.
Hoje em dia, como bem sabem, é terrivelmente fácil para nós tirarmos uma foto à nossa maquilhagem, cabelo e roupa para partilhar nas nossas numerosas redes sociais e blogs.
E que atire a primeira pedra quem nunca pensou ao ver as selfies de outra rapariga:

Once Upon a Time in London (and thoughts on Photography)

Posted on

You find no man, at all intellectual, who is willing to leave London. No, Sir, when a man is tired of London, he is tired of life; for there is in London all that life can afford.

– Samuel Johnson

Sempre que há um momento marcante na minha vida, e as viagens são sempre – para mim – momentos marcantes, gosto de me lembrar do seu “aniversário” no ano seguinte. Avaliar o que mudou desde então e as saudades que ficaram.

Agora que já passou um ano desde a minha última viagem a Londres, o sentimento que fica foi o de uns dias incrivelmente bem passados, dos quais mantenho não só as memórias, como as fotografias.

Ontem voltei a olhar para elas, o álbum todo, e reflecti sobre o quanto adoro fotografar. Esta paixão não é nova, mas só agora comecei verdadeiramente