mejores doctores en América Dapoxetina elección de plan de seguro médico
0 In blogging/ DIY/ guest posts/ soapmaking

DIY: Como fazer sabonete em casa

Hoje trago-vos hoje um DIY que espero que agrade 4 dos vossos sentidos se se decidirem aventurar. Eu sei que têm 5, mas não falo no paladar porque isto que vamos fazer não se come (apesar de, às vezes, dar muita vontade!)
Falo de sabonetes, claro! Gostavam de aprender a fazer sabonetes de glicerina em casa? Não, não é nada difícil, o mais complicado é encontrar a glicerina “pura”, mas eu deixo-vos alguns links no final deste post para vos ajudar nesse sentido.

(fiz este DIY em parceria com a Ana Luísa; todas as fotos deste post foram tiradas por ela)

Ingredientes

Por agora não se preocupem com o onde, mas sim com o que precisam. Para reproduzirem a receita que usamos neste DIY vão precisar de:

  1. glicerina (branca ou cristal)
  2. corante para cosmética
  3. essências para cosmética ou óleos essenciais
  4. álcool em spray (opcional)
  5. formas de silicone

Preparação

1. Começamos por cortar a glicerina em cubos. Quanto mais pequenos forem, mais rapidamente derretem. Não tem que ficar perfeito, mas tentem fazer com que os cubinhos tenham tamanhos aproximados.

2. A seguir levamos o tacho ao lume para derreter a glicerina. Tenham muito cuidado para não deixarem a glicerina ferver, pois perde muita qualidade e o sabonete fica “estranho” quando arrefece. Ah, já agora, usem um tacho ou outro utensílio que não usem para cozinhar. Acreditem, falo por experiência própria. Por melhor que o lavem, a comida vai sempre saber a sabonete.

3. Agora que a glicerina já está toda derretida e uniforme vem a parte gira! Dar cor e cheirinho ao nosso sabonete é o passo que se segue. Para sabonetes de duas cores dividam a vossa glicerina entre dois recipientes (não usados para cozinhar, já sabem) para não misturarem as cores. Vocês é que sabem, as possibilidades são quase infinitas no que diz respeito à glicerina. Usem a vossa imaginação e criatividade!

Neste DIY optei por fazer alguns sabonetes de uma só cor, outros com duas e dois transparentes com uma foto. Se quiserem reproduzir estes – dão excelentes presentes para os nossos amigos e família – imprimam a foto que querem, com o tamanho certo, deitem uma camada muito fina de glicerina transparente no fundo da forma de silicone, deixem secar e coloquem a foto. deitem o resto da glicerina por cima da foto. Mais uma vez, apelem à vossa criatividade. Podem usar glicerina com cor na parte de cima, por exemplo!

4. É aqui que entra o álcool em spray. Se o tiverem à mão, vaporizem os vossos sabonetes ainda líquidos para se livrarem das bolhinhas que surgiram enquanto estavam a derreter a glicerina. Este passo não é obrigatório, mas tirar as bolhinhas do sabonete fá-lo ficar mais perfeitinho e bonito. 🙂

5. Deixem secar bem antes de desenformar.
6. Embalem o vosso sabonete em película aderente.

Fácil, não é? É quase como fazer um pudim instantâneo! 😀

Dicas rápidas:

    • Evitar ferver a glicerina (ninguém morre, mas os vossos sabonetes vão provavelmente sair muito mal!);
    • Usar recipientes destinados apenas ao soapmaking;
    • Se optarem por fazer um sabonete com várias camadas e/ou com cores diferentes por camada, não coloquem as formas no frigorífico para que sequem mais depressa. Ao usar este tipo de refrigeração rápida estamos a impedir as camadas de glicerina de “agarrarem” umas às outras e é provável que se separem quando o sabonete for desenformado. Ao ar livre é sempre melhor!
    • Se possível, usem papel fotográfico se quiserem fazer os sabonetes transparentes;
    • Quando se sentirem mais confortáveis a fazer sabonetes, experimentem ir adicionando mais uns miminhos à glicerina, tais como óleo de côco, óleo de amêndoas doces (há em quase todos os supermercados), um bocadinho do vosso creme hidratante favorito, etc.
    • NUNCA em circunstância nenhuma usem aromas que não sejam próprios para cosmética. Existem aqueles frasquinhos de essência para ambientadores e queimadores, mas não caiam na tentação e salvem a vossa pele de sérias reacções alérgicas.
    • Os óleos essenciais substituem os aromas, uma vez que já têm cheiro. Para além disso têm propriedades para a pele que os aromas não têm.
    • No Inverno os sabonetes podem “transpirar”, ou seja, podem formar-se pequenas gotas de água por fora se houver humidade no ar. Embrulhá-los em película aderente vai evitar precisamente isso.
    • Todos os conselhos que vos dei são lições que aprendi com a experiência, por isso aproveitem! Só de pensar na glicerina que podia ter poupado se já soubesse tudo isto antes…

Por falar nisso, aqui estão alguns sites onde podem encontrar o material de que precisam:
Este site tem tudo
– Este é Especializado em formas de silicone
– O Celeiro é óptimo para comprar óleos essenciais!

 

Espero que tenham gostado deste DIY e que experimentem fazer os vossos próprios sabonetes de glicerina em casa! 🙂

You Might Also Like

No Comments

Leave a Reply

CommentLuv badge