DIY Longer ponytail without fake hair

Posted on

Descobri como fazer um rabo de cavalo parecer maior por puro acidente. Estava a tentar fazer um daqueles entrançados complicadíssimos que vi no Instagram, mas que também se encontram no Youtube, e fiquei pelo caminho. Mas não saí dali derrotada.
Do meu falhanço em completar um lindo penteado de tranças, saiu este. Foi uma grande descoberta que fiz sozinha e tenho usado frequentemente o cabelo assim, eu que raramente o usava apanhado. 🙂

O “truque” é muito simples.

Esta é a foto da praxe do “antes”

 photo Capturar_zpsfgvtllxz.png

Esta é só para vos mostrar como fica um rabo de cavalo normal vs. o que vou fazer a seguir.

 photo 3_zps96f874f8.jpg

Então vamos lá ver como fazer este, que é só um dos penteados mais fáceis de fazer de sempre.

1. Pentear

 photo 4_zps62427cc6.jpg

2. Apanhar uma secção de cabelo bem acima, como se fossem fazer um carrapito (daqueles que provavelmente usavam na primária).

 photo 6_zps694178b0.jpg

3. Apanhar o resto de cabelo em dois “carrapitos” separados, ficando assim com três secções alinhadas. Um por cima, outro por baixo – a meio da cabeça – e outro mais abaixo. Dêem várias voltas com o elástico para segurar bem o cabelo, mas não demasiado apertadas para nao ser desconfortável (thanks, Captain Obvious!)

 photo 8_zpscf0ac684.jpg

E já está!

 photo 9_zps75209c60.jpg photo 11_zps8aff1342.jpg

Assim de repente não me ocorre nada mais fácil e rápido para fazer ao cabelo sem ser deixá-lo solto.
Adorei este penteado, porque costumava comprar aquelas extensões em formato de ponytail para usar quando queria o cabelo mais comprido, mas apanhado. Agora não preciso disso!
Perceberam o que cria a ilusão de comprimento? Se tivesse apanhado o cabelo todo em cima, parecia mais curto, mas como a última secção de cabelo que apanhei foi muito em baixo e tenho um apanhado em cima, parece que o cabelo é, de facto, mais comprido.

Bem, a explicação é mais confusa do que o próprio penteado. 😉

Agora deixem lá ver se me sai mais alguma coisa por “acidente”. Às vezes as minhas melhores descobertas são feitas desta forma. Também acontece convosco? 🙂

1 Comments

  1. Analog Girl says:

    Nunca me calhou descobrir cenas dessas. Assim de repente, a coisa mais estranha que consegui fazer com o cabelo foi apanhá-lo todo e “dar um nó” sobre si próprio, mas como é que ele se aguentou ainda hoje é um mistério para mim, o meu cabelo é super liso e escorregadio e nunca se aguenta neste tipo de coisas (fazer tranças é sempre um tormento).
    No entanto este parece-me uma boa dica, hei-de experimentar. 🙂

Leave a comment

Your email address will not be published.

CommentLuv badge