Feeling myself again & waking up earlier

Posted on

Já não faço posts destes estilo “diário” há imenso tempo. Acho que perdi um bocado essa faceta neste último ano, mas não acho que tenha sido uma mudança negativa. Afinal, será assim tão interessante para quem me lê saber o que fiz neste dia ou no outro, ou como me senti hoje?

Pessoalmente não acredito que o seja, mas ontem foi um dia atípico e que acho que faz sentido para mim (que releio o que fica para trás no blog quando quero fazer balanços) marcá-lo por aqui.

Estive doente durante toda a semana passada e só ontem comecei a sentir-me realmente melhor. Já nem sabia como era não me sentir mal, com dores e desconfortável. Pode não ter sido nada de especial, mas fez-me dar valor à minha saúde e a não tomá-la como garantida. Também serviu para reforçar a vontade que tenho em seguir um caminho mais saudável este ano. Bem, ao menos este meu período de doença serviu para alguma coisa: começar a desintoxicar o organismo (ainda que de forma meio forçada).

Ontem já me sinti quase a 100% e até acordei mais de uma hora mais cedo que o habitual para fazer uma data de coisas que tinha pendente, de preferência antes de ir para o trabalho.

Só não estava à espera que fosse uma manhã tão produtiva! Despachei não uma, não duas, mas três tarefas incrivelmente chatas, mas obrigatórias que – como pessoa adulta – tenho mesmo que fazer. Vocês sabem, ir ao banco, marcar consultas, ir aos correios, etc. Foi apenas uma hora a menos da minha noite de sono, mas fez uma diferença gigante na minha manhã e deixou-me um sentimento de cumprimento de dever e de motivação que duraram todo o dia.

Não vou prometer nada, mas a partir de agora vou tentar deitar-me sempre ligeiramente mais cedo e levantar-me a esta hora. Esta hora que, se bem aproveitada, dará para pôr várias coisas em ordem todos os dias, incluindo este blog. Acredito que também será óptimo para as horas de trabalho, porque vou estar mais focada e menos preocupada com o que tenho pendente para fazer fora do escritório. 🙂

Mas o melhor do dia? O melhor foi sentir-me bem, saudável e, finalmente, mais como eu própria e não como uma estranha no meu próprio corpo.

E, com este regresso à normalidade pós-férias, regressam os planos que ficaram para trás em Dezembro, nomeadamente este… Estou morrinha por voltar a pegar nisto!!

Agora sim, 2015 está a começar!

  • Share

2 Comments

  1. Inês Silva says:

    Eu sei o que é lixado tentar manter uma rotina saudável pro corpo e mente mas tás no bom começo ^^

    1. joan of july says:

      É lixado, principalmente nestes primeiros meses do ano em que está frio e só apetece comer porcarias reconfortantes. 😛
      Mas pelo menos com a rotina de acordar mais cedo, já dá para começar a criar melhores hábitos. 🙂

Leave a comment

Your email address will not be published.

CommentLuv badge