O verdadeiro ‘fudge’ escocês

Posted on

Era apaixonada por fudge mesmo antes de ir à Escócia. Ou, pelo menos achava eu, já que aquilo que eu achava que era fudge, era uma imitação má (em comparação) da Hussel e lojas semelhantes. Mas nada me preparou para o sabor do verdadeiro fudge escocês.

Em primeiro lugar, devo frisar que não existe um verdadeiro fudge em termos de sabor, já que há várias misturas (chocolate com e sem frutos secos, chocolate branco, whiskey, etc.), mas há o tradicional, o simples e mais básico de todos e que, sem sombras de dúvida, é o meu favorito.

E é isso que vos vou explicar como fazer neste post. 🙂

Receita de fudge tradicional escocês

fudge6

Ingredientes

568 gr. de água (= 1 pint)
175 gr. manteiga sem sal
454 gr. de açúcar de confeiteiro
75 gr. de leite condensado

Preparação

1. Usando uma panela bastante grande, aquece a água e derrete a manteiga na água quente. Antes da água chegar à ebulição, adiciona e dissolve completamente o açúcar. Mexe com frequência.

2. Leva a água à fervura e deixa ferver. Ao ferver, adiciona o leite condensado. A mistura terá uma cor muito clara, cremosa.

3. Agitando (muito) frequentemente, permite que a mistura engrosse até que tenha cor de caramelo. A textura/consistência da mistura mudará rapidamente após cerca de 20 minutos, mas é possível que demore mais. Comigo demora bem mais de 30 minutos, para ser sincera. Mas resiste à tentação de apressar. Nesta fase, a mistura pode começar a borbulhar e subir bastante, daí sugerir o uso da panela grande.

4. Para testar a mistura, deixa cair um bocadinho da mistura numa superfície fia (um prato ou uma taça. por exemplo). Se a mistura do fudge estiver pronta, não vai correr e deve ficar espessa e pegajosa depois de 30 segundos nessa superfície.

5. Quando verificares que a mistura está pronta, retira-a do fogo e bate-a por 10 minutos. Derrama a mistura batida em numa forma quadrangular não muito grande, para que a mistura tenha pelo menos 1 cm de espessura. Deixa arrefecer por 30 minutos no frigorífico e, quando estiver dura, corta-a um quadradinhos. E já está!

fudge1fudge2fudge3

Fazer fudge não é difícil, mas é demorado, exige alguma paciência. E eu não quereria que fosse de outra forma. Faz-me imaginar séculos passados, na Escócia dos filmes e da literatura, em que era tudo mais simples e artesanal. 🙂

Mas, como podem ver pelos ingredientes, o fudge é a coisa mais calórica de sempre! Não é nada saudável, mas sabe pela vida! Não aconselho a comerem vários quadradinhos de fudge de cada vez (por razões óbvias), mas experimentem beber um bom chá ou café acompanhados de um quadrado de fudge. Nem precisam de pôr açúcar nas bebidas, deixem o açúcar por conta do fudge. 😉

fudge4

fudge7

Para mim, comer um quadrado de fudge com um bom chá, significa um momento delicioso de conforto num dia frio de Outono ou Inverno. É quando sabe melhor.

Se não acreditam, experimentem! 😉

5 Comments

  1. Joana Sousa says:

    Yummyyyyy que coisa boa, mulher! E sabes fazê-lo, que eu já o provei ahah :p

    Jiji

  2. Inês Silva says:

    aiii que bom aspecto 😀 Nunca comi por acaso

  3. Joana Santos says:

    Já estive na Escócia e o fudge escocês é das melhores coisas que trouxe comigo de lá. Nunca pensei em fazer eu própria esta delícia mas acho que vou experimentar em breve, graças à tua receita! :p Obrigada pela partilha!

  4. Cátia Henriques says:

    Incrivelmente não conheço, nem nunca provei. Como não sou a maior fã de leite condensado não sei se não será um bocadinho “too much” para mim. Mas parece-me ter “ouvido” falar em sabores de chocolate…aí a tentação seria maior. Queres partilhar?
    Bjs, CH
    Bonecas de Papel

  5. Catarina says:

    Nunca comi fudge, mas parece delicioso! Sem dúvida que tenho de experimentar esta receita.

Leave a comment

Your email address will not be published.

CommentLuv badge