Páginas Salteadas: picolé tropical de skyr e açaí

Posted on

Queríamos que o nosso livro do Páginas Salteadas de Junho fosse tropical; algo a chamar pelo Verão que teima em não vir. Já não me lembro quem foi, mas falou-se de um livro da série Uma Aventura, a relembrar as nossas eternas (ou assim nos pareciam) férias de verão. Que saudades. Descubram que livro escolhemos e que receita foi esta que inventei para acompanhar esta leitura do mês.

O livro

Lembro-me que – na nossa conversa em grupo, também ela chamada Páginas Salteadas, alguém sugeriu o livro “Uma Aventura no Verão”, mas logo a seguir veio a sugestão da Vânia: “que tal a da Amazónia? Traz samba no pé”.

Foi a frase que nos vendeu a ideia. Receitas baseadas num livro passado na Amazónia? Como resistir?

A história deste livro da saga Uma Aventura desenrola-se na Amazónia quando a mãe das gémeas é responsável por organizar um evento em Manaus. Se Uma Aventura já é suficientemente emocionante, agora imagem quando é passada na maior e mais conhecida floresta do Mundo!

Os elementos tropicais da Amazónia – fauna e flora – estão presentes, assim como o mistério que caracteriza cada aventura dos livros Uma Aventura.

Se quiserem lê-lo também, podem comprá-lo na Feira do Livro a apenas 6€! Uma pechincha. 😀

A receita: picolé de Skyr e Açaí

Quando ficou decidido qual seria o livro do mês de Junho, uma coisa ficou muito clara em relação à receita que escolheria para este mês: iria levar açaí! O açaí é um fruto muito cultivado na região da Amazónia, embora o seja também noutros estados brasileiros e em países como a Venezuela, a Colombia e o Equador.

Na Amazónia, o açaí é consumido tradicionalmente junto com farinha de mandioca ou tapioca, geralmente gelado. É um fruto semelhante a uma baga de cor violeta escuro ou negro. O açaí é considerado um superalimento e uma das fontes mais ricas de antioxidantes, sendo muito utilizado para fazer bebidas, geleias, doces e gelados.

Foi precisamente pelo caminho dos gelados que fui com esta receita. Tinha estas forminhas do Ikea cá em casa e já não as usava há muito tempo, pelo que tudo se conjugou para fazer estes pequenos picolés.

Ingredientes

  • Açaí – polpa congelada (160 ml)
  • Skyr (2 x 125 gr.)
  • Mel para adoçar (a gosto)

Para preparar os gelados, deixei descongelar a polpa e bati-a vigorosamente com duas embalagens de skyr da Adagio. Adoro especificamente o skyr da Adagio (não fui paga para fazer publicidade à marca, sim?) pela consistência cremosa. Provei e fiz uma careta. Soube que precisava de um doce ali no meio para assemelhar mais os picolés a uma sobremesa.

Ficou uma delícia!

Esta quantidade dá para seis picolés usando estas formas do Ikea.

Já agora, o melhor desta receita é o facto dos gelados não terem ficado com “cristais” de gelo como muitas vezes ficam os gelados caseiros. Talvez devido ao skyr, ficaram incrivelmente cremosos!

As bagas nas fotos não são de açaí, são de mirtilos, mas era o mais parecido que tinha cá em casa. 🙂

Se quiserem – já agora – espreitar a minha receita de Mini Milk caseiro com estas mesmas forminhas de gelado, espreitem este post.

Também podem ver as minhas outras receitas do Páginas Salteadas aqui.

Agora aguardemos pelas próximas três segundas-feiras para nos serem reveladas as receitas tropicais que a Joana, a Vânia e a Andreia vão preparar durante este mês de Junho!

Joana Clara, Às Cavalitas do Vento
Vânia Duarte, Lolly Taste
Andreia Moita, Andreia Moita Blog

4 Comments

  1. Andreia Moita says:

    Maravilhoso. Açaí combina tão bem com samba. E com a Amazónia e todos os ritmos brasileiros. Vamos fazer um boicote a este tempo e comer gelados assim mesmo! É isso aí 🙂

    1. Catarina Alves de Sousa says:

      Ahahaha adorei o “é isso aí!” 😀 Sim, façamos um mega boicote contra este cinzento interminável. Acho que a meteorologia está a levar demasiado a sério o conceito de “50 shades of grey” este ano…

  2. Vânia Duarte says:

    eu tenho sempre açaí em casa, costuma ser muitas vezes a minha sobremesa ao fim de semana por isso é óbvio que amo esta receita e vou ter mesmo de a experimentar. Quando ao nosso livro estou a divertir-me mesmo muito a lê-lo.

    1. Catarina Alves de Sousa says:

      Também vou ter que passar a torná-lo uma presença constante lá em casa. Até o Pedro adorou os meus picolés! São deliciosos e sem “culpa”. 😀

Leave a comment

Your email address will not be published.

CommentLuv badge