Panacota de chocolate branco com creme inglês e caramelo

Posted on

 Desde que o meu irmão entrou para a Escola de Hotelaria e Turismo do Porto, que sempre que vou ao Porto, a casa da minha mãe, os dias de enchem de experiências na cozinha nas quais acabo por dar uma ajudinha.

Não é segredo que não gosto muito de cozinhar, mas a principal razão prende-se com o facto de, na maior parte das vezes, ser uma actividade solitária. Mas quando se trata de ajudar o Francisco a fazer uma receita que foge um pouquinho à “norma” das receitas do dia-a-dia, lá estou eu pronta a aprender!

Esta foi a receita que experimentamos na semana passada, modificada pelo Francisco, claro.

O título “panacota de chocolate branco” dispensa qualquer adjectivo como “delicioso!”, certo? Mas, sabem, apesar do ar meio complexo na imagem, a receita em si é facílima, como poderão ver mais abaixo. 🙂

Vou só dividi-la em várias fases para nos organizarmos melhor. A primeira parte será para fazer o creme inglês, seguido pela panacota e, enquanto esta arrefece no frigorífica, faremos então o caramelo.

O creme inglês

Ingredientes:

500mL de leite integral
½ xícara (chá) de açúcar refinado
5 gemas
1 colher (chá) de essência de baunilha

Preparação:

  1. Coloquem o leite em uma panela e adicionem metade do açúcar. Misturem bem e levem ao fogo até ferver.
  2. Noutro recipiente, misturem a outra metade do açúcar com as gemas. Batam bem até formar um creme esbranquiçado.
  3. Coloquem uma concha do leite fervido no recipiente com gemas batidas com açúcar. Misturem rápido para as gemas não cozinharem e formarem grumos (é mesmo muito importante não deixarem as gemas cozinhar!). Esta etapa é feita com somente uma parte do leite fervido para “temperar” as gemas. Se todo o leite fervido for adicionado de uma só vez, as gemas podem talhar.
  4. Quando as gemas estiverem bem misturadas ao leite, juntem-nas com o resto de leite que está na panela.
  5. Leve a panela ao fogo baixo, mexendo sem parar até engrossar levemente. Nunca cozinhe o creme inglês em fogo médio/alto, se a gema cozinhar rápido demais o creme irá talhar.
  6. Por último, juntem a essência de baunilha.

A panacota

Ingredientes:

500 ml natas
100 gr. chocolate branco
2 folhas de gelatina
aroma de baunilha q.b. ou uma vagem de baunilha

Preparação

  1. Coloquem as natas numa panela juntamente com a vagem de baunilha aberta em dois. Deixe que levante fervura, desligue o lume, tape e deixe infusionar durante pelo menos 30 minutos.
  2. Demolhem as folhas de gelatina num pouco de água. Aqueçam novamente as natas e quando estiverem quentes juntem o chocolate branco em pequenos cubos e a gelatina bem escorrida. Mexam bem.
  3. Retirem a vagem de baunilha e vertam o preparado para dentro de copos de vidro ou formas de silicone. Levem ao frio durante cerca de 3h30.

A bolacha

A bolacha é para o toping da panacota, que é só o toping mais simples de sempre. Basta esmigalharem umas 5 bolachas Maria. Não é suposto ficar em pó, mas sim com bocadinhos pequenos de bolacha. 🙂

O caramelo

Acho que não preciso de vos explicar como fazer o caramelo (proporção 0,5 dl. de água para 250 gr. de açúcar; temperatura 150º), uma vez que basta juntar açúcar e água num tacho, mas posso dar-vos uma dicas muito útil que o meu irmão me deu quando estávamos a fazer a panacota.

Quando estiverem a fazer o caramelo e a mexer o açúcar na água, é normal que algum açúcar comece a alojar-se nos lados do tacho. Para evitar que esse açúcar queime e dê um sabor queimado ao caramelo, pincelem-no com água para eliminá-lo.

Quando o açúcar estiver em ponto caramelo, estendam um pouco desse molho em papel de alumínio com a ajuda de uma colher.

O caramelo vai solidificar rapidamente com a forma que lhes deram.

(este pedaço de caramelo saiu parecido com o continente africano, ou é impressão minha?)

Final

Por mim, basta desenformarem a vossa panacota e empratarem-na ao vosso gosto. O Francisco optou por formar umas pequenas linhas com o creme inglês, colocar o caramelo por cima da panacota e um rasto de bolacha Maria ao lado, mas há várias formas de exibirem o resultado delicioso desta receita. 🙂

Espero que tenham gostado tanto como eu gostei de aprender esta deliciazinha. Acho que é seguro dizer que vão poder ver muitas mais receitas por aqui nos próximos tempos, ou não estivéssemos nós na época natalícia. 😉

0 Comments

Leave a comment

Your email address will not be published.

CommentLuv badge