mejores doctores en América Dapoxetina elección de plan de seguro médico
2 In movies & tv shows reviews/ movies and tv shows

Sing street: Música e Dublin nos anos 80

Todos os domingos (salvo raras excepções) temos a tradição de ver um filme à noite. É uma espécie de despedida gostosa do fim de semana e uma forma de fazer com que o tempo passe um bocadinho mais devagar nas últimas horas de fim de semana.
Neste último domingo vimos um filme – Sing Street – que achei tão delicioso que tenho que partilhar com vocês. A ideia de o vermos foi dele e, para me apresentar a ideia, só disse “música”, “anos 80” e “Dublin”. “Fechado”, pensei eu. Era mesmo isso que me apetecia, especialmente a poucas semanas de visitar a capital irlandesa! 🙂

Ah, claro, e adoro música dos anos 80!

Contextualizando:

Conor é um rapaz de 14 anos que vive em Dublin com a família: o pai (o Littefinger do Game of Thrones!), a mãe, a irmão e um irmão awesome louco por música.
Com a situação financeira da família a agravar-se, os pais mandam Conor para uma escola pública onde os alunos são maus e os professores (padres) ainda piores. Mas um dia, à saída da escola vê uma rapariga – Raphina – que lhe rouba a atenção automaticamente e, sem pensar duas vezes, pede-lhe para participar num vídeo que a banda dele vai gravar.
O problema? Conor não tem banda nenhuma e amigos só tem um, muito recente. Felizmente para ele, o amigo ruivinho mexe-se bem e prontifica-se logo para ser manager da banda.
O passo seguinte passa a ser formar efectivamente a banda, uma tarefa que se revela bem sucedida. Os membros da recentemente formada banda de Conor – apelidada de Sing Street, em homenagem à rua onde se situa a escola dos rapazes – são incrivelmente talentosos e rapidamente compõe músicas bem ao estilo dos anos 80.

No que diz respeito à música, a coisa mais gira é vê-los a seguirem tendências e a tentar adaptar as suas músicas às diferentes fases musicais pelas quais passam. De Duran Duran a The Cure, vão aparecendo com visuais e sonoridades diferentes a cada música que compõe e gravam.

Exemplo:

Nisto tudo, o drama familiar de Conor vai-se intensificando, a sua relação com Raphina começa a alterar-se de uma simples amizade para algo mais, mas esta revela ser um autêntico mistério.
Não vou revelar spoilers, obviamente, mas se estão com vontade de ver um filme ligeiro, engraçado sem ser hilariante (que não é esse o objectivo nem o estilo de filme) e passado nos anos 80, com todas as características extravagantes desta década e diferentes estilos musicais que a marcaram, Sing Street é uma excelente aposta.

É daquele tipo de filmes que nos deixam a sentir felizes quando acabamos de os ver e – arriscaria – até com vontade de ir encher as nossas playlists do Spotify de música dos 80s (como se as minhas já não tivessem… 😛 )

Sing Street já chegou ao videoclube da NOS, mas deve estar também disponível noutros, já para não falar de outros meios disponíveis e não completamente legais, mas isso já é outra história. ahahah

Deixo-vos com o trailer:

E vocês, já viram Sing Street? Ficaram com vontade de ver? 🙂

You Might Also Like

2 Comments

  • Reply
    Sofia Garrido
    25/10/2016 at 4:38 PM

    Curioso, ainda há uns dois dias adicionei este filme à minha watch list quando me deparei com ele num artigo que li. A estética envolvente e a narrativa, pelo trailer fizeram-me crer que será interessante e agora com este teu post fiquei ainda mais convencida! :p!

  • Reply
    sara miriam
    06/11/2016 at 12:12 PM

    nem precisei ler a sinopse, tambem bastou me ler 80s e dublin ahaha
    é a melhor epoca de sempre musical e de estilo tb e adoro filmes british/irlandeses destas epocas.

    aconselho veres this is england (e depois as mini series que gerou, this is england 86, 88 e 90) e o filme pride. 🙂

    http://rrriotdontdiet.blogspot.pt/

  • Leave a Reply

    CommentLuv badge