mejores doctores en América Dapoxetina elección de plan de seguro médico
5 In writing

Projecto Three Sixty Five: escrever um livro, uma página por dia

É fácil estabelecermos como resolução de ano novo que agora é que é, agora é que vamos mesmo começar a escrever aquele livro que queremos publicar há séculos. Desta vez vai ser a sério.
Mas nunca é, porque o que é difícil é manter a motivação e pôr realmente mãos à obra. E quando mantemos a nossa escrita em segredo, ainda é mais fácil abandoná-la, porque – afinal – quem é que vai saber que falhámos? Ninguém.
E, por isso, nasceu então o Projecto Three Sixty Five. Se o vosso grande objectivo para este ano é escrever um livro, então fiquem comigo e descubram em que consiste o Three Sixty Five.

Como começou

Eu e a Ana andamos há séculos a falar dos livros que vamos escrever. Cada uma tem o seu, ideias para o mesmo e já N páginas e rascunhos escritos, mas lá está, nada de novo, sempre gostámos imenso de escrever e sempre quisemos publicar um livro. Mas a desmotivação, por vezes, instala-se e força-nos a atirar a nossa meta para trás das costas, para um dia – talvez – a irmos repescar.
Então a Ana lembrou-se: “porque não criamos um desafio em que nos obriguemos a escrever e a prestar contas uma à outra?”
Ao que eu respondi “BRILHANTE! Bora fazer isso!”

E estava assim criada a ideia.

Em que consiste

Uma das melhores coisas do Three Sixty Five é que, apesar de não ser um desafio fácil de cumprir, é fácil de explicar. Em linhas gerais, consiste em escrever – no mínimo – uma página por dia rumo à conclusão dos livros que estamos a escrever. Uma página por dia não é nada, não custa nada! Claro que, não quer dizer que só possamos escrever uma por dia, quer apenas dizer que uma é o mínimo essencial.

Algumas regras

Para que algo funcione (como tudo na vida e na sociedade), tem que ter regras e o Three Sixty Five não é excepção.
Uma delas é que, no final de cada mês, temos que fazer uma espécie de relatório uma à outra em que revelamos quantas páginas escrevemos, quais foram as nossas maiores dificuldades e as maiores conquistas em termos de progressão da escrita do livro.
Outra regra é, por exemplo, que podemos acumular páginas, ou seja, se houver algum dia em que não conseguimos mesmo escrever nada, podemos escrever várias páginas num dia. No entanto, não devemos deixar acumular mais de sete páginas de cada vez.

O que vos parece? 🙂

Querem juntar-se a nós?

Sabemos perfeitamente que não estamos sozinhas nesta demanda e que não somos as únicas a querer escrever um livro. Se há por aí alguém que tenha o mesmo objectivo e que esteja a precisar de um empurrãozinho, se tiverem gostado da ideia deste desafio, enviem-nos um email. Se tivermos muita gente interessada, pensamos que se justificará criar um grupo no Facebook para partilharmos motivação e, claro, os nossos relatórios mensais. 😉

You Might Also Like

5 Comments

  • Reply
    Ana Garcês
    22/01/2017 at 5:06 PM

    Let’s do this girl! ❤
    Ana Garcês recently posted…10 Coisas Que Gostaria de Ter Sabido Antes de Ter Escolhido EnfermagemMy Profile

  • Reply
    Marta Chan
    25/01/2017 at 10:51 PM

    Flipei com esta ideia! Ainda por cima ja sei o tipo de livro que quero escrever e até o titulo.
    Mas neste momento da minha vida não vai dar, então será que nos podemos inscrever a qualquer altura?
    Marta Chan recently posted…O DESERTO DO SAHARA EM MARROCOSMy Profile

    • Reply
      joan of july
      31/01/2017 at 5:05 PM

      Sim, inscreve-te quando quiseres! Mas se já tens a ideia toda (que é, de longe, o mais difícil), estás à espera de quê? 😛

  • Reply
    The Brunette's Tofu
    07/04/2017 at 12:32 PM

    Esta ideia ainda está de pé? <3

    • Reply
      joan of july
      07/04/2017 at 3:23 PM

      Ainda! 😀

    Leave a Reply

    CommentLuv badge