Sem categoria

Guys who play video games

Não, não vos vou enfiar uma música da Lana del Rey pela goela abaixo.
Irritam-vos os rapazes que jogam videojogos? Há por aí muitas namoradas que fumegam sempre que vêem os namorados de comando na mão- quanto mais de sharpshooter– a insultar soldados/monstros espaciais imaginários como se estivessem em plena guerra num país islâmico. Eu não. Adoro gamers.
Não sou pessoa de querer atenção do namorado 24 sobre 24 horas e muito menos de querer fazer tudo a dois. Os gamers não são assim. As raparigas que gostam de atenção constante e que não têm muitos hobbies (ou vida, vá) poderão requerer este tipo de cuidados; então a essas raparigas aconselho: NUNCA arranjem um gamer como namorado.
Eu pessoalmente adoro. Porquê?
Porque os gamers precisam do seu espaço para jogar. EU preciso do meu espaço. 
Ora, se eles precisam e exigem que as namoradas entendam a necessidade que eles têm de jogar, isso significa que, por seu lado, serão extremamente compreensivos para connosco e respeitadores do nosso espaço. 
Eu adoro o meu namorado e adoro passar tempo com ele, mas nem o reconheceria se não tivesse estes pequenos prazeres e ficaria muito desiludida se mudasse, porque isso significaria que eu iria deixar de ter o meu tempo sozinha do qual tanto preciso… Adoro fazer ginástica sozinha, ver as minhas séries sozinha, há músicas que eu adoro ouvir/dançar e que ele não suporta. Assim é melhor.
Nunca vou perceber os casais que não se desgrudam e que não passam de uma extensão do corpo do outro. Que eu saiba nunca partilhámos um cordão umbilical. Seria muito mau sinal… ALERTA: piada Game of Thrones

3 Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published.