Mysterious Lisbon: Paço do Lumiar

Posted on

 photo DSC01399_zpsb1191250.jpg

Lisboa está cheia de locais desconhecidos e misteriosos. Certamente que nunca viram o Paço do Lumiar em nenhum guia turístico e sinceramente a informação que encontro no Google sobre este local é escassa ou nula. Para ser sincera, nenhum dos meus amigos que sempre viveu em Lisboa sabe que factos históricos tiveram lugar no Paço do Lumiar, mas na semana passada (quando o Benfica jogou no Jamor) decidi pegar na máquina fotográfica e investigar mais de perto.

Lisbon is full of lesser known, mysterious places. You probably won’t see Paço do Lumiar on city guides and frankly theres little to almost no information about it on Google. Actually, none of my friends from Lisbon have expressed any sort of historical knowlodge regarding this place but I am determined to find out.
I found out about this place when me and my work team moved to another office in October 2013. A couple of weeks ago I decided to grab my camera and investigate this lovely location a little closer.
 photo DSC01343_zpsb6bfd43b.jpg

 photo DSC01338_zps5c7fad72.jpg

 photo DSC01345_zps6c2b8094.jpg

 photo DSC01348_zpsfd80b469.jpg

 photo DSC01352_zpsb8a061fd.jpg

 photo DSC01359_zpsd145ac40.jpg

 photo DSC01354_zps96eebd92.jpg

 photo DSC01357_zps4c436926.jpg

 photo DSC01360_zpsd536ca3f.jpg

 photo DSC01364_zps3a4ae5ed.jpg

 photo DSC01366_zps6d0c89db.jpg

 photo DSC01368_zps0f661a21.jpg

 photo DSC01371_zps8b844c94.jpg

 photo DSC01384_zpsf95cd6cb.jpg

 photo DSC01398_zpsc621a499.jpg

 photo DSC01417_zps5010783c.jpg

 photo DSC01410_zps64891c27.jpg

 photo DSC01433_zps5fd9b693.jpg

 photo DSC01441_zpse5460b36.jpg

 photo DSC01446_zpscf6f51f5.jpg

 photo DSC01455_zpsb648fc14.jpg

 photo DSC01450_zpsa4238b12.jpg

 photo DSC01467_zpsa70e85c8.jpg

 photo DSC01466_zps6c12568f.jpg

 photo DSC01469_zpsbc28c556.jpg

 photo DSC01472_zpsfd2abfef.jpg

 photo DSC01478_zps053bdacc.jpg

O próximo passo: visitar os dois museus do Paço do Lumiar: o Museu do Traje e o Museu do Teatro. Viram? Este lugar está cheio de História e Cultura! Merece bem uma visita. 🙂

Next step: visit the two museums located in Paço do Lumiar: The Costume Museum and the Theater Museum. Did you see? This place is full of History and Culture! It was worth the visit. 🙂

12 Comments

  1. Ju says:

    Sem dúvida que Lisboa está repleto de cantinhos que desconhecemos..esse é lindíssimo 🙂 *

    1. joan of july says:

      Pois está, Ju! Estou mortinha por descobrir mais. 😀 Obrigada*

  2. Analog Girl says:

    Passei grande parte da minha infância no Paço do Lumiar. Essas fotos fazem-me viajar no tempo. Que saudades! (acho que apanhaste o meu antigo colégio numa das fotos).
    Ando há anos para regressar ao Museu do Traje. 🙂

    1. joan of july says:

      A sério? 😀 Ahhh já sei qual é o colégio então!
      Eu só descobri o Paço do Lumiar há uns meses (como é que é possível?) e acho uma zona fascinante! Conheces alguma história do Paço do Lumiar? Daquelas de reis, condes e afins. Cheira-me que teve algum lugar na História de Portugal, mas posso estar errada. 🙂

      1. Analog Girl says:

        Acredito que aqueles edifícios antigos têm muita história escondida, mas não me lembro de muita coisa.
        Sei é que dentro do meu colégio haviam azulejos que contavam a história da vida de uma rapariga que viveu por aquelas bandas e é considerada a primeira “banda desenhada” que temos (recordo-me de ver um painel com ela a ser cortejada num jardim). E claro, em miúda inventei mil brincadeiras naqueles cenários. É lindo e estou cheia de saudades… 🙂

        1. joan of july says:

          Essa história parece-me muito interessante! Eu sabia que havia qualquer coisa e aposto que ainda há mais. 😉

    1. joan of july says:

      Muito obrigada pela partilha, Susana! 🙂

  3. luís ramos says:

    a junta de freguesia do lumiar tem um livro à venda com informação do paço do lumiar
    e outras quintas da zona.
    sobre os reis, o irmão do rei D. Dinis abitou o palácio de fronte ao largo do paço, dai a coroa existente na fachada.
    que acho, tinha ligações ao convento de odivelas.

  4. Isabel Maria d’Silva Mendes says:

    Este é o meu Paço do Lumiar, lugar onde nasci e vivi. Deixo-lhe aqui um pouco da história do Paço do Lumiar!

    Em 1312, D. Dinis efectuou a partilha dos bens do Conde de Barcelos, ficando para D. Afonso Sanches, seu filho bastardo e genro do Conde, uma quinta e casa de Campo no Lumiar, a que se passou a chamar Paços do Infante D. Afonso Sanches. No reinado de D. Afonso IV, esta residência nobre tomou a designação de Paço do Lumiar, que ainda hoje se mantém e constitui um importante núcleo histórico da freguesia.

    No inicio do séc. XVIII, era definido o Lumiar, como “um sítio de nobres quintas, olivais e vinhas”, sendo os principais frutos da terra o vinho, trigo, cevada e o azeite.

    Em meados do séc. XIX, realizavam-se no Lumiar três feiras anuais (Fevereiro, Junho e Agosto), todas muito concorridas, especialmente a de Santa Brígida, em que havia romaria e benção do gado.

    De 1852 a 1886, esta freguesia esteve integrada no concelho dos Olivais, sendo finalmente incorporada no território da Cidade de Lisboa, em 18 de Julho de 1885.
    Desde os princ¡pios do séc. XIX, que a população da freguesia tem tido progressivo aumento. Em 1903, Júlio Castilho, o pai da Olisipografia, morador no Lumiar, via a velha aldeia a transformar-se, escrevendo: “o nosso Lumiar, hoje cheio de palacetes e cortado de eléctricos, carruagens e automóveis, formou um bairro da Capital”.

    HERÁLDICA
    Ordenação heráldica do brasão, bandeira e selo
    Publicada no Diário da República n.º 97, de 19 de Maio de 2006, III Série

    Brasão – De azul, polvilhado de archotes de prata acesos de vermelho e avivados de ouro, tendo brocante um bastão rematado em cruz, de ouro e posto em banda, onde está suspensa uma flâmula drapejante de prata com uma cruz simples de vermelho. Coroa mural de três torres de prata. Listel de prata, com a inscrição em maiúsculas, “FREGUESIA DO LUMIAR”.

  5. As Aldeias do Xisto, a Casa do Quelho e Janeiro de Cima says:

    […] romana de Ammaia Castelo de Almourol, Ferreira do Zêzere e Tomar Lisboa: São Bento e Adamastor Lisboa: Paço do Lumiar Serra da Arrábida e praia do Portinho da Arrábida Lagos, Lagoa e Silves Porto: Palácio de […]

Leave a comment

Your email address will not be published.

CommentLuv badge