books,  Lisboa

A “minha” Little Free Library

Já ouviram falar das Little Free Library? Ou, em bom português, pequena biblioteca grátis? Tenho uma mesmo ao pé de casa, na Quinta das Conchas, desde Novembro do ano passado. É um projecto tão, mas tão bonito, que não podia deixar de partilhá-lo com vocês. Sim, que esta LFL é aqui ao meu lado, mas há muitas outras espalhadas por aí. Ah, e podiam até abrir uma pequena biblioteca vossa, sabiam?

A “minha” Little Free Library é uma pequena casinha de madeira mandada construir por um senhor chamado Joaquim Sequeira, o curador dos livros desta LFL.

A casinha leva cerca de quarenta livros de cada vez e estes vão sendo mudados pelo senhor Joaquim com alguma regularidade, para que haja diversidade na sua (e nossa) pequena biblioteca.

Como é que os livros não desaparecem, perguntam vocês? Podiam desaparecer, sim, se não fossemos pessoas civilizadas. A biblioteca é livre e é grátis, mas está lá escrito que se deve proceder a uma troca: deixar um livro e levar um livro.

little-free-library-conchas-2

Esta iniciativa é, para mim, uma lufada de ar fresco no meu bairro cá de Lisboa. É tão inspirador ver esta casinha sempre cheia de livros e ver sempre gente lá quando por lá passo. Sabiam que já lá deixei uns seis ou sete livros? É verdade, mal descobri que isto existia, levei logo um monte de livros que tinha cá em casa e que estavam de parte porque sabia que não os ia ler. São livros que ganhei em passatempos ou que me foram oferecidos há muito tempo e que não têm nada a ver comigo.

little-free-library-5

Em troca, não trouxe ainda nenhum livro desta Little Free Library, mas vou trazer eventualmente, até porque no Facebook da LFL do Parque das Conchas e dos Lilases, o senhor Joaquim diz que podemos requisitar livros que ele lá coloca na páginas, mas que possam não estar na LFL naquele momento. Não é fantástico? 😀

little-free-library-4

Se quiserem saber mais sobre as Little Free Library, em especial como construírem uma vossa, visitem o site oficial ou o Facebook oficial do projecto. Se estão mesmo interessados em construir e abrir uma LFL vão precisar de uma autorização da Câmara Municipal. 🙂

little-free-library-3

Agora digam-me: já conheciam este projecto? Já se cruzaram alguma vez com uma Little Free Library?

Eu acho este projecto é tão maravilhoso que até estou a pensar em fazer alguma coisa gira a pensar nele para o próximo encontro físico do CPR! 😀

15 Comments

    • joan of july

      Às vezes esqueço-me de que somos praticamente vizinhas, Elsa! Fizeste bem! Ontem, se não tivesse sido desencorajada pela chuva, tinha ido lá buscar um daqueles livrinhos embrulhados especiais para o Dia de S. Valentim. Estavam tão amorosos!

    • joan of july

      É mesmo bonita, Margarida! Só espero que surjam outras LFL por toda a Lisboa. Adorava abrir uma “minha” um dia. 🙂

  • Lúcia

    Ainda não conhecia as Little Free Library. O mais perto que tenho é a Cabine de Leitura que só vi e ainda não usei. Adoro o facto de podermos construir a casinha de livros! Estive a pesquisar no site, há três em Portugal. E no Facebook do da Quinta das Conchas, que ideia genial de um encontro às cegas com um livro.
    Obrigada Catarina! As tuas partilhas são inspiradoras!

    • joan of july

      Olha, não conhecia essa Cabine de Leitura!
      O Facebook deles é maravilhoso! O curador está a fazer um trabalho fantástico com aquilo. Adorava abrir a minha little free library, mas no Porto. O problema é que não posso estar lá a tratar dela. Mas espero, ainda assim, que surja pelo menos uma por lá. 😉

      Obrigada, Lúcia! Fico contente por teres gostado! <3

  • Madalena

    Que boa iniciativa! Conhecia um projeto semelhante, mas era nos comboios: alguém deixava um livro no comboio e outra pessoa levava e trocava por outro. Espero que abram mais Little Free Libraries noutros pontos da cidade 🙂

    • joan of july

      Isso era mais Book Crossing, será? Também já fiz e às vezes ainda faço Book Crossing e adoro! Já encontrei livros maravilhosos através do Book Crossing! 🙂

  • Ana S.

    Que ideia tão maravilhosa. Sabia da existência dessas bibliotecas, mas que eu saiba não tenho nenhuma na minha zona. Mas adoro o conceito, a ideia de partilha que envolve é simplesmente inspiradora 🙂

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *