Work

Nove e meia

Ok, são nove e meia da noite e sinto-me como se fossem umas onze… Já ia de bom grado para a cama. O meu choque quando olhei para o relógio foi quase hilariante se não fosse tão triste ter a idade que tenho e estar exausta às 21:30…
Diz-se que é do trabalho. Bah… 
Eu cá acho que está na altura de fazer umas mudanças por aqui. Acho que me falta qualquer coisa, mas não sei bem o quê… Por alguma razão para lá de parva, dei por mim a pensar e a sentir saudades da sauna, do banho turco e do jacuzzi do Holmes Place. Ai se eu pudesse ir para lá todos os dias directamente depois do trabalho… Mas será que vale o dinheiro?
Mas vá, deixem-me lá queixar à vontade do cansaço; no fundo ainda estou a cumprir algumas das minhas resoluções de ano novo, tais como ser uma blogger mais assídua-, que estou a ser apesar do extremo cansaço! Para além disso conquistei uma meta profissional hoje. Muito pequenina, mas para mim, muito significativa. 🙂 Às vezes sinto que sou capaz de fazer literalmente tudo.
Agora, se me permitem, vou fazer isto:

À semelhança da foto, também vejo a minha cama com uma espécie de brilho mágico, principalmente desde que a minha mãe me comprou uma almofada m-a-r-a-v-i-l-h-o-s-a na Primark. É que só quero andar com ela para todo o lado. Só. De manhã, quando chega a altura de me despedir dele, quase me apetece chorar. E durante a noite sinto que me abraça e acaricia como se fosse um bebé. Sim, é assim tão boa. Vou ter com ela, até amanhã.
 

6 Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *