Work

Quase mestre

Estou extremamente orgulhosa de mim mesma hoje. Não costumo ter acessos públicos de egocentrismo- nem este post consiste nisso-, mas às vezes mereço “props”.

Nunca antes me aconteceu ter um mês INTEIRO de trabalhos, mas agora é ver a minha agenda, até dia 30 de Janeiro, cheia e com literalmente todos os dias marcados com “work, work, work”, entrega disto, entrega daquilo… UFF. A semana passada foi uma das mais stressantes da minha vida. Entregar quatro reportagens- tv, rádio, imprensa e multimédia- para uma só cadeira é algo extenuante. Nuna teria conseguido sem a ajuda do Pedro. Mas já está. 🙂
Agora faltam 3 ensaios (WHAT?) e duas apresentações em aula. Oh god. Fico cansada só de imaginar o trabalho que ainda tenho pela frente. MAAAS….ao mesmo tempo estou entusiasmada com esse mesmo trabalho. Estranho, não é? Mais ou menos. Não é estranho quando me lembro de que estou a estudar aquilo que gosto e quero seguir- jornalismo. A paixão e a entrega tornam as coisas muito mais suportáveis.
A seguir ao dia 30 de Janeiro o semestre chega ao fim. Este- se tudo correr bem e passar a todas as cadeiras- será o meu último semestre com aulas. EVER. It IS a big deal. 😡 O que também é um “big deal” para mim é tirar um mestrado. Vou ser Mestre. 😀 Ahahaha. Admito que tem sido difícil, mas se não fosse também não ia ter o mesmo valor, pois não? Vou sentir-me ainda mais orgulhosa de mim mesma quando isto tudo acabar. E mesmo se não correr tudo bem este semestre, não se pode dizer que não me esforcei.
O segundo semestre vai ser estágio. Tinha que escolher entre estágio + relatório e tese, que não é bem como as teses à antiga, só tem 25 páginas. É óbvio que escolhi o estágio, porque a experiência de trabalho em jornalismo faz-me falta. Vamos ver se o meu professor não se esqueceu de mandar a minha candidatura à revista que escolhi para o meu estágio. Ando super preocupada com isso e só vou saber no sábado. Keep your fingers crossed for me. : (estou mesmo, mesmo preocupada. Há mais sítios onde gostava de estagiar, mas ficam mais fora de mão… Mas acho que ainda há tempo para fazer uma 2ª candidatura se a primeira tiver sido esquecida… Still, keep your fingers crossed for me).
Antecipo que os meus próximos posts vão ser super pessoais e cheios de reflexões. Ando cheia de ideias e teorias sobre tudo e mais alguma coisa. Tenho uma mente extremamente hiperactiva. Se calhar é por isso que não consigo adormecer a não ser que seja por extremo cansaço.
Oh well.

3 Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published.