Sem categoria

Memórias fotográficas palpáveis (o regresso da analógica?)

E é já esta sexta-feira o meu aniversário!
Confesso que estou entusiasmada por este aniversário. Acho que ainda não atingi aquela idade em que me sinto “velha”, antes pelo contrário.
Para mim, o meu aniversário é uma altura semelhante à passagem de ano para a maioria das pessoas. Só quando faço anos sinto que algo vai mudar. É que quando o ano muda, muda para toda a gente; o meu aniversário é só meu e cabe-me a mim e só a mim fazer as resoluções que não faço no ano novo e guardo inconscientemente para esse dia.
Enquanto elaboro os planos para sexta-feira (este ano calha a uma sexta), vou pensando na prenda que quero oferecer a mim mesma e já me decidi por uma Lomo. 
A que eu tenho e que o meu namorado me ofereceu há uns aninhos atrás foi esta:

E estas são as candidatas a compra:

A minha paixão pela Lomo e pela fotografia, mais concretamente pela fotografia analógica voltou no sábado de manhã quando estava na minha casa do Porto e me lancei numa missão de ver e escolher fotos antigas para decorar a minha nova casinha. 
Ao deparar-me com fotos dos anos 80 dos meus pais e amigos dei por mim a pensar que eles é que sabiam verdadeiramente tirar fotos de grupo e que os anos 80 devem realmente ter sido dos melhores de sempre.
Dei por mim também a lamentar o facto de quase todas ou todas as minhas fotos recentes serem digitais. Quero sentir novamente o toque de cada fotografia nas minhas mãos, olhar diretamente para os melhores momentos da minha vida e quero adornar com eles as minhas paredes de casa. Se forem fotos Lomo ainda melhor. Adoro os efeitos, vocês não?
Qual das câmaras Lomo preferes?
Sprocket Rocket
Fisheye Cherry
Holga Color Flash
Lomokino
Diana F+

Create your own poll

2 Comments

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *