culture

13 presentes de Natal (quase) Zero Waste e muito especiais

Já alguma vez sentiram na pele a dificuldade de oferecer um presente de Natal a alguém que a) já tem tudo e não lhe falta nada , b) é demasiado especial e, por isso, nunca conseguem pensar em nada suficientemente bom para ela ou c) ambas as opções?

Talvez a resposta não seja dar-lhe algo físico, mas sim um presente de Natal verdadeiramente especial e, ainda por cima, que não é um objecto nem vem em embalagens. Descubram abaixo as minhas sugestões de presentes de Natal zero waste, mas muito Mindful e cheios de significado.

Esta é uma temática que me deixa tão entusiasmada! Sim, já sabemos que é melhor comprar directamente a artesões e a lojas pequenas, de produção nacional, mas… e se não quisermos oferecer objectos? Sabem uma coisa? Cada vez mais me faz impressão oferecer “coisas” a quem já tantas tem. Este Natal vou mesmo privilegiar a oferta de experiências acima das “coisas” materiais.

Estas são as minhas sugestões para quem sente o mesmo que eu.

1. Um donativo em seu nome

Um donativo a uma associação que seja, de alguma forma, especial para essa pessoa, seja ligada a causas ambientais, humanitárias ou animais. A escolha é imensa! Se quiserem alguma inspiração de associações, vejam as que ajudámos no Blogging for a Cause este ano e no ano passado. 🙂

 

2. Um incentivo para ir viajar no próximo ano

Uma vez ofereceram-me um voucher da Ryanair no aniversário e eu fiquei felicíssima! A felicidade de receber um voucher de uma companhia aérea nada tem a ver com o valor (até podem ser 20€!), mas sim com o facto de nos obrigar (da forma mais positiva possível) a começar a planear uma viagem para o ano que se avizinha. Não sei quanto a vocês, mas eu adoro começar um novo ano já com viagens em vista.

3. Uma experiência de relaxamento

Quase ninguém se coíbe de apregoar o quão cansado está e o quanto precisa de uma massagem, mas – pelo que tenho visto – raramente se faz algo nesse sentido. Por vezes, no pico da nossa agitação diária, é-nos difícil pensar em tirar tempo para dedicarmos a 100% a nós mesmos. Sendo assim… porque não oferecer uma experiência de SPA ou mesmo uma massagem específica a um amigo ou familiar que está mesmo a precisar?

 

4. Um bilhete para um concerto ou um festival

Não é preciso explicar muito, não acham? Quem não adora já ter todo um festival pago como prenda de Natal, especialmente quando é mesmo aquele a que queremos ir?
Nesta onda, também se inserem bilhetes para espectáculos de outras naturezas. No meu caso, aceitava de bom grado bilhetes para espectáculo de ballet O Quebra Nozes no Coliseu de Lisboa.

5. Cheques-prendas de livros

Os cheques-prenda estão vivos e de boa saúde! Se a pessoa em questão adora ler, mas tu não sabes bem o quê, os cheques-prenda de livrarias servem perfeitamente. Qualquer pessoa que goste de ler, vai adorar receber vouchers de livrarias. Para ser 100% zero waste, basta escolheres uma livraria online como a Wook ou a Book Depository, por exemplo.

 

6. Uma sessão fotográfica

Sim, sim! Adoro esta ideia e acho um gesto tão querido oferecer uma sessão fotográfica a alguém. Uma sessão de retrato é basicamente um presente vitalício, algo que vai perdurar no tempo e vai criar uma lembrança deliciosa. Para além disso, sempre que a pessoa que vai receber a vossa oferta olhar para as suas fotos, vai lembrar-se de quem lhe ofereceu a sessão. Falem com a Margarida Pestana ou com a Raquel Ponte se estiverem com ideias. 🙂

(também tenho saudades de fotografar retratos –> aqui uma foto que tirei à Marta numa das nossas sessões)

7. Um workshop

Foi das coisas que mais adorei receber num Natal, quando a minha mãe me ofereceu um workshop de Fotografia. Se conhecem alguém que anda sempre à procura do próximo curso ou workshop onde se “meter”, ofereçam-lhe um e até pode ser online! Aqui na esfera dos blogs, adoro os ecourses (cursos online) do blog A Beautiful Mess.

 

8. Um retiro

Também pode ser uma experiência maravilhosa e memorável que alguém adorará receber no Natal. Os retiros (na Natureza ou de Yoga, por exemplo) não são propriamente baratos, mas poderá ser uma boa ideia juntares-te a outros amigos/família e partilhar o custo deste presente.

9. Um bilhete de lotaria ou raspadinhas

Ri-te, ri-te! Se lhe sair 50.000€ vais desejar ter comprado umas para ti também!

Agora a sério, este é uma oferta natalícia que deixa sempre um sorriso no rosto. Se tiveres, por exemplo, um amigo secreto na tua empresa e que tu não conheças nada bem, oferece-lhe 5€ ou 10€ (dependendo do budget estipulado) em raspadinhas!

 

10. Uma assinatura de uma revista

Amigos, família… se estão a ler isto podem oferecer-me uma assinatura da revista Calm, Oh Comely ou Flow. Obrigada!

11. Uma forma de comer à borla em vários restaurantes da cidade

Oh sim! Quem não adora comer fora em bons restaurantes e não pagar nada ou pagar muito pouco? Os famosos packs Odisseias existem em formato digital, sem terem que comprar a caixa, sabiam? Ah, e também há sempre a possibilidade de oferecerem um Zomato Gold.

 

12. Apadrinhar um animal

Esta ideia é tão, mas tão amorosa! Juro que ficava mega comovida se alguém apadrinhasse um lobo do Centro de Recuperação do Lobo Ibérico em meu nome… Sem palavras.

Se quiserem, podem ler sobre a minha visita ao Centro de Recuperação do Lobo Ibérico aqui.

13. Vouchers de “tempo”

Aqui está uma oferta que não é exclusiva ao Natal, mas que funciona sempre bem, quer seja no Natal, aniversário, Dia dos Namorados, etc. Consiste em criarem uma espécie de bloco de ofertas/vales que a outra pessoa pode utilizar sempre que lhe apetecer. Não implica nenhuma despesa da vossa parte e, se não quiserem imprimir, podem sempre fazer em formato digital com um design todo giro! Não tendo dotes de designers, recorram ao Canva!

E então? Estão convencidos a reduzir o desperdício neste Natal? Também estão numa fase em que preferem receber experiências a objectos?

Imagem: Pinterest (só para tirarem ideias)

 

 

E então? Estão convencidos a reduzir o desperdício neste Natal? Também estão numa fase em que preferem receber experiências a objectos?

2 Comments

  • Andreia Esteves

    Adorei as propostas! Vales de livros, vouchers de viagens e de outras experiências calham sempre bem 🙂

  • Marta Chan

    Orgulhas-me com estes posts Cat 😀 São dicas de prendinhas maravilhosas! Aliás prefiro mil vezes receber uma prenda de experiência do que propriamente material. Reparei que praticamente todos os meus natais recebia pelo menos uma prenda que nao gostava nem precisava, ou seja, mais lixo no mundo… vá lá que com o tempo fui oferecendo as coisas que não precisava a amigos que gostavam ou precisavam, assim a corrente continua e não ficas com objectos parados em casa ou jogados no lixo mesmo. Basta mudar o nosso mind set: lá porque foi oferecido não somos obrigados a ficar com aquilo para sempre.

    Quanto às livrarias acho menos zero waste se fores mesmo à livraria fisica, porque o envio vem em cartão e livrarias como bertrand enviam plástico à volta do livro. Indo à livraria levas um tote bag ou a mochila e recusas o saco de plástico.
    Só para não falar que muitas livrarias estão a fechar hoje em dia porque compramos muito mais online…
    Caso não gostemos do livro ou sabemos que não vamos ler mais nenhuma vez é oferecer a alguém, trocar, vender ou deixar lá no Jardim das Conchas como fazes 🙂

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *